Quanto custa fazer um intercâmbio na França?

Se você está pensando em fazer um intercâmbio na França e já até procurou por uma escola de francês para começar os estudos, é importante saber qual a média de custos que terá para realizar o seu sonho. 

Quando você pensa em estudar no exterior, mas especificamente na França, as palavras “baixo orçamento” provavelmente não vêm exatamente à mente. 

Embora viver na França seja mais caro do que viver em outros países, você ainda pode obter alguns descontos como estudante. 

Por exemplo, em tickets para transporte público, passes gratuitos para museus e muito mais! 

Embora estudar em Paris custe mais do que em qualquer outro lugar da França, estamos aqui para falar um pouco sobre os custos para você se preparar para o seu intercâmbio no país. Confira! 

Custos de estudar na França para estudantes internacionais

Os custos que o estudante terá no total com o intercâmbio na França vai depender muito de diferentes fatores. 

Por exemplo, o principalmente deles é a escolha do programa. Pode ser que você queira fazer um curso de ensino superior particular na França, ou consiga uma bolsa de estudos

Ou então, pode ser que você queira fazer um curso de idioma por apenas um mês, durante seis meses ou um ano. Essa escolha é a principal quando se trata de custos. 

Para fazer um intercâmbio de seis meses para a França, por exemplo, você pode chegar a gastar em torno de R$ 20 mil. 

Porém, no momento de contratar o seu intercâmbio, é interessante ver as opções que a agência responsável oferece. Certifique-se de avaliar o que está incluso, como taxas e outras questões. 

Custos gerais ao morar na França

Em média, o orçamento médio dos estudantes na França está entre 635 e 1200 euros por mês. Entenda melhor cada um deles a seguir, considerando os custos em Paris. 

  • Aluguel studio: 600 – 800 euros;
  • Aluguel de apartamento/quarto: 400 – 600 euros;
  • Celular + Internet: 20 – 30 euros;
  • Transporte (Bicicletas + Trens + Metrô + Ônibus): 30 – 50 euros;
  • Mantimentos e cuidados pessoais : 120 – 150 euros;
  • Saúde e bem-estar: 30 – 50 euros. 

No entanto, você precisa ter em mente que a quantidade de dinheiro que você precisa depende muito de onde você estuda! 

De fato, enquanto um estudante em Paris precisará de cerca de 1318 euros por mês, um estudante em Limoges precisará apenas de 790 euros.

Dependendo da sua nacionalidade e/ou do tipo de programa em que estudará, você também precisará pagar as taxas de visto e taxas de matrícula.

Visto de estudante francês

Alguns estudantes precisam de um visto VLS-TS para estudar na França. Ao chegar para seus estudos, você precisará validar seu visto e pagar uma taxa de 50€.

Além disso, isso não é realmente uma taxa, mas você deve saber que o saldo bancário necessário para o pedido de visto é de 615 euros / mês.

Como um estudante pode economizar dinheiro na França?

Existem diversas formas de economizar dinheiro na França, mas uma delas definitivamente é reduzir custos com hospedagem. 

A acomodação será sua maior despesa, especialmente se você estiver estudando em Paris e seus subúrbios. Mas não se preocupe, as dicas a seguir ajudarão você a economizar. 

Escolha as opções de hospedagem mais baratas

Em vez de procurar um estúdio, procure opções mais baratas! Aqui estão as melhores maneiras de economizar dinheiro em moradia: 

  • Residências públicas (CROUS): renda média mensal: 400 euros por mês.
  • Flatshare/ Quarto: aluguel médio mensal de um quarto de 13m2: 609 euros por mês. 
  • Estúdio médio: 870 euros por mês. 

Escolha uma opção de acomodação que seja elegível para benefícios de moradia. Os estudantes estrangeiros são elegíveis para benefícios de habitação da CAF (Aide personnalisée au logement). 

Por isso, antes de escolher o local onde vai viver, certifique-se de perguntar ao gestor da residência se é elegível para o benefício. 

More longe do centro

Na maioria das cidades, é garantido que você encontrará lugares mais baratos nos subúrbios! 

Agora, isso significa que você passará mais tempo em transporte público e/ou em seu carro, mas se seu orçamento estiver apertado, pode ser algo que você deve considerar. 

Conclusão

Estudar na França é um grande sonho para muitas pessoas, mas também é algo que exige muito planejamento financeiro. 

Estamos falando de um país na Europa, onde a moeda local é o Euro, que custa mais caro do que o dólar. 

Portanto, mesmo que você esteja indo para a França com uma bolsa de estudos, ou saia do Brasil com os custos dos estudos pagos, é necessário considerar os outros gastos que terá no país. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.